Tempo de treino na academia, para otimizar resultados.

Como tudo em musculação, não existe uma resposta exata, para definir o tempo de treino na academia.

A maioria das coisas na musculação, a gente tem que raciocinar em cima de alguns conceitos.

Para realmente entender a questão, o primeiro conceito que vai ser levantado aqui, é que o treinamento de musculação é catabolico.

É isso mesmo, treino também é catabolico, quando você treina você desgasta o seu organismo.

Se quando você vai treinar, você também promove o catabolismo. Logo saber o tempo de treino na academia, vai te ajudar a evitar o catabolismo em excesso.

Então, você tem que treinar no ponto ótimo, para você não passar da conta e desgastar mais do que você deveria.

Até onde você deve catabolizar treinando?

Você deve treinar até gerar sinalização suficiente, para seus músculos se desenvolver, o resto é você se alimentar adequadamente e descansar adequadamente.

Ou seja, se você treina muito tempo em uma sessão, ou já está numa sessão de desgaste tão exagerada, que não é possível gerar sinalização para o músculo.

Será que vale a pena continuar treinando? Se você já está tão cansado que seu estímulo já está muito fraco, o seu organismo chega em um ponto que não consegue gerar novos estímulos?

Então, essa hora, é a hora que você deixa de treinar com eficiência e passa a se desgastar.

Dessa forma, o seu treino se transforma em algo que vai trazer muito mais malefícios do que benefícios.

Como achar um tempo de treino na academia perfeito?

Não existe um tempo de treino na academia exato, porque isso vai de pessoa para pessoa, do seu condicionamento físico, de período de treino e do seu objetivo.

Então, são várias coisas que você deve realmente prestar atenção, e é esse conceito que vamos levar em consideração.

Você deve ter noção, até onde o estímulo está tendo eficiência.

O inverso também é verdade, porque tem muita gente, que para, quando ainda tem energia sobrando para continuar estimulando os músculos com qualidade e desafio.

Na verdade, o tempo de treino na academia, não é tanto número de minutos ou horas mas, é uma questão de como você está e como é que o seu organismo está.

E como está a qualidade da sua contração e do estímulo que você está dando.

De uma forma geral, a gente pode dizer o seguinte, no caso de quem treina mais do que deveria.

Você tem uma certa quantidade de séries de exercícios e na última série do seu treino você tem que sacrificar muita quantidade de carga ou a qualidade da execução para continuar o seu treino.

Nesse caso, vale a pena você fazer uma reflexão, se isso não está demais ou você está ali numa pegada de treino muito boa.

Mas, quando chega no último exercício, de repente o estímulo muscular está fraco.

Porque a carga caiu muito ou então, você já está executando com má qualidade, e a contração já não está mais interessante.

Se você está treinando e de repente chegou o fim da sua sessão de treino, e você ainda consegue fazer duas ou três sessões com qualidade de execução.

E tendo essa mesma carga, se você consegue estimular com qualidade, não há motivos para você parar, pois isso não faz sentido.

Como achar o seu tempo de treino na academia.

Então basicamente, é esses conceitos que você vai ter para conseguir raciocinar, para responder essa pergunta.

A medida que nós vamos evoluindo e crescendo na musculação e nos tornando praticantes mais avançados, o caminho é o mesmo, você tem que aprender conceitos e aplicar para sua realidade.

Então, na sua próxima sessão de treino, aplique os conceitos que você aprendeu aqui.

Pois dessa forma, você vai saber corretamente o tempo de treino na academia.

E presta atenção, se você está errando pelo excesso ou pela falta, quando chega na sua última série.

Tempo de treino na academia