Treino de panturrilhas, 7 dicas para as suas panturrilhas crescerem

Realmente é muito grande a quantidade de pessoas que têm desproporção no corpo.

Principalmente por falta de volume nas panturrilhas, pois esse grupamento muscular realmente é o mais difícil de hipertrofiar.

Será que essa informação é realmente verdadeira ou será que é só desculpas de pessoas que tem preguiça de treinar?

Sim isso tem um pouco de verdade, mas muita gente usa isso como desculpas.

Todas as pessoas têm genéticas desfavorecidas para desenvolver as panturrilhas?

Para perceber isso, não é tão fácil assim como as pessoas pensam. Pois até para saber se a pessoa tem genética boa ou ruim, elas têm que se esforçar um pouco.

Se você pratica musculação há algum tempo, você já deve ter percebido que algumas pessoas, têm muita dificuldade para crescer os músculos das costas.

Outras pessoas se esforçam muito para desenvolver os quadríceps, e algumas outras pessoas tem dificuldade para desenvolver tríceps, por exemplo.

E esses grupamentos musculares e as dificuldades que as pessoas têm neles, é bem aleatório mesmo.

Mas com os músculos das panturrilhas, é com todo mundo que tem a dificuldade para desenvolver.

As pessoas falam isso, porque o que acontece realmente, é que elas não sabem treinar panturrilhas corretamente, ou então elas não se dedicam como deveriam.

E dessa forma, ninguém tem resultados mesmo. Até mesmo para outros grupamentos musculares.

E para que você não faça como a maioria das pessoas que praticam musculação fazem.

Principalmente os homens, que é treinar panturrilhas de forma errada ou até não treinar e depois inventar desculpas dizendo que tem genética ruim para panturrilhas.

Se você está lendo esse texto certamente é porque você está disposto a desenvolver esse grupamento muscular. Que é tão odiado por muitos praticantes de musculação.

Veja também: Como ficar forte naturalmente com essas 5 dicas fáceis de aplicar

Suas panturrilhas agora vão crescer

E para garantir que você vai ser recompensado e ter resultados em todos os treinos de panturrilhas. Separamos 7 dicas que você deve utilizar em todos os seus treinos de panturrilhas.

Pois, aplicando essas dicas, você vai ter resultados, mas lembre-se que os resultados, não vem da noite para o dia.

Eles são a soma de pequenos resultados que se soma e no final de muito trabalho duro, trás um resultado grande e muito satisfatório. Se você é praticante de musculação você já sabe disso.

Essas dicas que você vai aprender vão servir tanto para quem é iniciante na musculação.

Como também para quem já treina musculação há algum tempo e se dedica muito para desenvolver as panturrilhas, porém não tem resultados que queria ter.

1 Execute o movimento sem pressa

Assim como outros grupamentos musculares, as panturrilhas quanto mais devagar você realizar o movimento, melhor vai ser a contração dos músculos e com isso melhor vai ser os seus resultados.

Fazendo o movimento bem devagar você aumenta o tempo que suas panturrilhas vão ficar aplicando força, e dessa maneira, mais fibras musculares são estimuladas.

Isso também ajuda a dar incentivo maior para as suas panturrilhas crescerem.

Pois você vai fazer algo que elas não estão acostumadas a fazer, que é se movimentar lentamente.

Pois o tempo todo você está fazendo, movimentos rápidos com as suas panturrilhas, quando você está caminhando e dá um passo as suas panturrilhas estão trabalhando.

Porém essa contração é muito rápida, e as suas panturrilhas não crescem apenas com passos.

Suas panturrilhas só vão crescer com caminhada, se você tiver uma genética muito boa mesmo. Se esse não é o seu caso, execute sempre os movimentos lentamente.

2 O segundo passo é executar um movimento completo

Fazer o movimento muito rápido é onde os praticantes de musculação, mais cometem erros.

E isso é a primeira coisa que mais impedem as suas panturrilhas de crescerem, assim como acontece com outras partes do seu corpo. Veja também: Como ganhar massa muscular nas pernas.

Pois as suas panturrilhas, naturalmente, têm uma amplitude de movimento muito pequena.

O que te induz a fazer a elevação plantar, como baixa amplitude de movimento.

Outro detalhe, é que você consegue levantar uma carga maior com as suas panturrilhas, quando você faz o movimento curto.

E já que as pessoas que treinam musculação, geralmente estão sempre buscando, levantar o máximo de peso que conseguirem.

Você provavelmente, tende a fazer um movimento mais curto e com pouca amplitude.

Para as suas panturrilhas crescerem e ficarem definidas, treine sempre com amplitude máxima.

Ou seja, na fase concêntrica, quando você está subindo, suba o máximo que você conseguir e ficando na ponta dos seus pés. Como se fosse uma bailarina.

E na fase excêntrica quando você estiver descendo, desça o máximo que você conseguir também.

E a dica número 5 ajuda muito para que você consiga ganhar mais amplitude de movimento nos treino de panturrilhas.

Amplitude máxima de movimento é quando você movimenta o máximo o possível sua articulação.

No caso das panturrilhas, uma amplitude máxima seria você subir o mais alto possível e ficando na ponta dos seus pés. E abaixando o máximo que você conseguir também.

Seguindo essa dica, você consegue trabalhar as suas panturrilhas, fazendo uma contração muito efetiva que contribui muito não só para o ganho de massa muscular, como também, vai te ajudar a definir mais as suas panturrilhas.

3 Realize pico isométrico de contração

Quando você estiver fazendo a elevação plantar, você deve subir o máximo que conseguir, mas chegando em cima, segure por 3 segundos e só então faça a descida. Muitos fisiculturista usam essa técnica porque realmente ela é muito eficaz.

Com isso você também passa mais tempo com os músculos da sua panturrilha sobtensão.

E isso ajuda você recrutar bastante fibras musculares das suas panturrilhas também.

Aplicando a primeira, a segunda e essa terceira dica, com certeza você vai ter que usar menos carga. Mas para as panturrilhas, carga nem sempre trás mais resultados.

Existem pessoas que treinam panturrilhas com cargas altíssimas assim como o fisiculturista e ator Arnold schwarzenegger.

Mas isso é valido apenas para pessoas que já tem as panturrilhas bem desenvolvidas e já tem bastante força.

Se esse não é seu caso, você deve botar as técnicas e a qualidade do movimento em primeiro lugar.

Se você treinar, usando apenas o peso do seu corpo e aplicando essas técnicas e priorizando a qualidade do movimento, você já vai ter resultado.

4- Quantas repetições fazer no treino de panturrilhas ?

A maioria das pessoas pensam que para as panturrilhas crescerem é necessário, uma quantidade muito alta de repetições, mas elas estão muito enganadas.

As pessoas pensam que é necessário fazer 50 repetições de elevação plantar.

Pois as panturrilhas se desenvolvem muito bem, com poucas repetições, ou seja, com um número que pode variar de 5 a 20 repetições.Veja também: como evitar lesões nos esportes.

Então no seu treino de panturrilha você pode treinar com uma quantidade normal de repetições. Assim como você faz no treino de bíceps, tríceps, quadríceps, etc.

Lembrando que muitas pessoas têm mais resultados fazendo um número alto de repetições (de 20 a 40 repetições). E outras têm mais resultados, fazendo um número baixo.

Em relação a isso, você poderia fazer um teste, em um mês você treina panturrilhas usando pouca carga e fazendo um número grande de repetições, tira algumas fotos faz algumas medidas.

E em outro mês, você treina panturrilhas usando uma quantidade de carga um pouco maior só que dessa vez você vai fazer menos repetições. De 5 a 20 repetições. Faça medidas novamente para comparar os resultados.

Compare os resultados e faça o que você achou mais resultados. Muitas coisas na musculação são assim.

5 Faça alongamentos

Essa dica serve para que você consiga melhorar a sua amplitude de movimento, ou seja, aplicando ela, fica mais fácil aplicar a dica número 2.

Para fazer esses alongamentos, você deve ficar posicionando como se estivesse treinando panturrilhas.

Porém, você vai descer o máximo que conseguir na fase excêntrica do movimento e ficar parado nessa posição por 10 segundos.

E você pode se alongar, durante as séries de exercícios, por exemplo, você faz a primeira série e em vez de descansar 30 segundos, você primeiro realiza um alongamento da mesma maneira que na posição acima.

Dessa forma aos poucos você vai aumentando a amplitude de movimento e melhorando a contração dos músculos das suas panturrilhas.

Você também pode fazer esses alongamentos mesmo quando você não está treinando. Você pode fazer, por exemplo, 10 segundos antes de dormir.

Cada vez que você faz um alongamento, você ganha mais flexibilidade, e com isso mais amplitude de movimento também.

E isso ao longo prazo, vai fazer você ganhar muitos centímetros de panturrilhas.

6 Treine mais vezes na semana

Como as panturrilhas são um grupamento muscular muito resistente e que se recuperam muito rápido em relação aos demais grupos de músculos que temos no nosso corpo, você pode e deve treinar elas com maior frequência.

Pois sempre que você treina, você na verdade está micro lesionando suas fibras musculares.

E depois do treino seu corpo reconstrói essas fibras que foram micro lesionadas no treinamento e deixa seu tecido muscular ainda maior.

Logo, quanto maior for a frequência de treino, mais esse processo se repete e mais rápido as suas panturrilhas vão crescer também.

Porém, você não pode exagerar, o ideal é que você treine no máximo 3 vezes na semana.

Pois o excesso de treino pode impedir a sua recuperação muscular, e é na recuperação muscular que as suas panturrilhas vão crescer.

7  Treine primeiro panturrilhas

Se você não treinar as panturrilhas antes, o que pode acontecer é a seguinte coisa:

Você bota o treino de panturrilha junto com o treino de posterior coxa, e você decide treinar primeiro posterior de coxa.

Só no final do treino é que você vai trabalhar as panturrilhas

E o que a acontece na verdade é que você faz um treino pesado de posterior de coxa e acaba gastando muita energia.

Pois esse é um grupamento muscular grande e que gasta muita energia.

Quando você vai treinar panturrilhas, já está tão cansado que nem consegue treinar e nem se concentrar direito.

Para que isso não aconteça com você, treine primeiro panturrilhas, pois esse grupamento muscular exige mais concentração.

Principalmente porque você vai usar as estratégias que você aprendeu nesse post.

Por fim, talvez você não goste de treinar panturrilhas, mas se você insistir nisso e aplicar as estratégias corretas, você vai começar a ver os resultados e vai ficar cada vez mais animado ou animada para treinar panturrilhas.

Isso porque você vai ter resultados que a maioria das pessoas não consegue, e ter uma coisa que é difícil de conseguir, e que muita gente quer ter, como por exemplo, resultado nas panturrilhas é muito prazeroso.

Então, essas foram as dicas que você deve usar nos seus treinos de panturrilhas.

Espero que te ajude. E se você conhece alguém que treina e tem muita dificuldade nessa parte do corpo, compartilha esse post para ela também.

Treino de panturrilhas